Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Skip to main content

Pesquisa

História – adotando a sustentabilidade na Suíça

Adotando a sustentabilidade na Suíça

A One J&J Zug, sede regional de uma Johnson & Johnson Family of Companies em Zug, Suíça, é uma instalação moderna projetada para atender às necessidades do século XXI. A equipe local se concentra em como suas instalações melhoram o modo como os funcionários trabalham e colaboram e em seus padrões revolucionários de local de trabalho, que geraram três certificações de sustentabilidade para o campus.

Com quase 23.225 metros quadrados, o edifício é equipado com painéis fotovoltaicos, iluminação de LED e uma bomba geotérmica com um trocador de calor subterrâneo que extrai energia da água para oferecer aquecimento e refrigeração. O monitoramento em tempo real do consumo de energia ajuda a equipe a gerenciar e a reduzir o impacto ambiental da operação.

“Com o monitoramento contínuo de nosso consumo energético, podemos identificar as oportunidades de redução”, disse Jorge Rodriguez, Facility Lead do campus da Zug. “Isso não só nos permite otimizar e minimizar nosso consumo de energia, como também cria a conscientização, à medida que os dados de utilização diária são disponibilizados a todos os funcionários da Zug.”

A instalação da Zug é o primeiro edifício da Suíça a obter a certificação de nível platina de Liderança em Energia e Design Ambiental (LEED), o maior nível de certificação do LEED Green Building Rating System™. O sistema de classificação é o programa de certificação do Green Building Council dos Estados Unidos para design, construção e operação de edifícios de alto desempenho. O campus também é certificado pela MINERGIE® e pela Green Property, estabelecidas na Suíça. A Zug é um dos 20 edifícios da Johnson & Johnson do mundo todo certificados em LEED.

A política de design e construção sustentável da Johnson & Johnson exige que todos os projetos de renovação com um custo mínimo de US$ 5 milhões e todas as novas instalações independentes pertencentes ou arrendadas pelas empresas da Johnson & Johnson em todo mundo incorporem a sustentabilidade em seu design e construção. Essa política faz parte de um esforço mais amplo de reduzir as emissões globais de gases de efeito estufa para 20% abaixo dos níveis de 2010 até 2020, e de aumentar a capacidade local de energia limpa ou renovável para 50 megawatts até 2015.

Os esforços inovadores foram bastante bem-sucedidos. Em 2013, a Johnson & Johnson foi reconhecida como o CDP (antigamente, Carbon Disclosure Project, ou projeto de divulgação de carbono) líder do setor de assistência médica da S&P 500, além de ter sido nomeada como o CDP do Leadership Index (índice de liderança) pelo quarto ano consecutivo.

“Nossa política de energia ecologicamente viável, que nos orienta a reduzir continuamente nossas emissões de carbono por meio da melhoria da eficiência energética de nossas operações e da utilização de energia limpa e renovável sempre que possível, nos ajudou a implementar programas que nos rendem uma boa pontuação nessa importante pesquisa pública”, observa Jed Richardson, Global Energy Director da Johnson & Johnson.

Além disso, estamos ampliando o alcance de nossos esforços de eficiência energética e redução de gases de efeito estufa incentivando nossos fornecedores a participar do programa da cadeia de fornecimento do CDP. Um número significativo desses fornecedores abordados pela Johnson & Johnson já começaram a participar em nosso nome.

“Na Johnson & Johnson, acreditamos que a saúde humana se beneficia de um planeta saudável, e estamos comprometidos a melhorar continuamente nossa eficiência energética, reduzir nosso impacto ambiental e fazer parcerias em abordagens inovadoras”, disse Brian Boyd, Vice President de Environment, Health, Safety & Sustainability da Johnson & Johnson. “Queremos trabalhar com os fornecedores que compartilham de nossos princípios e comprometimentos.”

A Johnson & Johnson tem objetivos de Healthy Future 2015 para criar com base em nosso legado de proteção do planeta por meio da redução dos impactos ambientais de nossas operações e para fazer parcerias com fornecedores que adotam a sustentabilidade.

Sustainability

Sustainability

Pajaros, Julius Caesar Bustamante
Julius Caesar Bustamante, Pajaros