Skip to main content

Search

Saiba mais sobre o tratamento da psoríase

Saiba mais sobre o tratamento da psoríase 

O tratamento pode ser realizado de diferentes formas, sempre de acordo com a orientação médica e com o acompanhamento especializado. Aqui você conhece as principais abordagens terapêuticas disponíveis para tratar a psoríase.

Soluções tópicas, como pomadas e cremes de corticóide, podem ser indicadas nos casos leves da doença, quando são suficientes para trazer alívio. Essa classe de medicamentos também pode ser parte de uma estratégia composta, sendo combinada a outros tratamentos dependendo da necessidade de cada paciente.

Além disso, medicamentos orais e injetáveis também estão à disposição dos pacientes. São o que chamamos de tratamentos sistêmicos. Pacientes com psoríase moderada a grave ou que tem artrite psoriásica, manifestação da psoríase que acomete as articulações, podem se beneficiar dessas opções de tratamento.

Usada em conjunto com todas as opções citadas ou de forma isolada, a fototerapia pode ser uma aliada no tratamento das lesões. Ela consiste na exposição da pele à luz ultravioleta de forma consistente, podendo auxiliar na redução da inflamação e a secar as placas avermelhadas na pele. O tratamento é indolor, mas precisa ser realizado com a supervisão de um médico especialista.

Os imunobiológicos representam opções mais modernas e específicas, pois são produzidos a partir de organismos vivos e têm atuação altamente seletiva. Com a chegada dessa classe terapêutica tornou-se possível amenizar muito e até mesmo eliminar as lesões da pele, graças a atuação precisa em alvos celulares, resultando na redução das atividades inflamatórias. O tratamento imunobiológico da psoríase é geralmente utilizado em casos moderados ou graves e segue um protocolo definido pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, que leva em consideração o grau da doença e a resposta ao tratamento oral ou a fototerapia.

Recentemente, o Sistema Único de Saúde (SUS) incorporou os medicamentos biológicos ao arsenal terapêutico para casos moderados a graves. Esta foi uma grande conquista para os pacientes que poderão ter acesso a medicações mais seguras e eficazes no sistema público.

  • Excepteur sint occaecat cupidatat non
    • Cupidatat nesciunt neque porrosed quia non numquam eius velit
  • Sed quia non numquam eius m
  • Excepteur sint occaecat cupidatat non
  • Excepteur sint occaecat cupidatat non
    • Cupidatat nesciunt neque porrosed quia non numquam eius velit
  • Sed quia non numquam eius m
  • Excepteur sint occaecat cupidatat non
 
Footnotes:
Lorem Ipsum dolor sit amet pluribus unum Lorem Ipsum dolor sit amet pluribus unum Lorem Ipsum dolor sit amet pluribus unum Lorem Ipsum dolor sit amet pluribus unum